Entrevista a Cardona Ferreira, Presidente do Conselho dos Julgados de Paz