Entrevista a Maria Clara da Cunha Calheiros de Carvalho, Presidente da Escola de Direito da Universidade do Minho