Ministério da Justiça assinala Dia Internacional de Nelson Mandela

No âmbito do Dia Internacional de Nelson Mandela, ontem, dia 18 de julho, comemorou-se o centenário do seu nascimento. Segundo a notícia publicada em justica.gov.pt, "em Portugal, a Academia de Líderes Ubuntu, um projeto criado em 2010 pelo Instituto Padre António Vieira, que inspira jovens a liderar como Nelson Mandela, organizou um programa de 5 dias (de 14 a 18 de julho) de atividades e iniciativas em homenagem ao primeiro Presidente negro sul-africano", ao qual o Ministério da Justiça se associou através de uma cerimónia, presidida pela Ministra da Justiça, Francisca Van Dunem, e na qual  se procedeu à atribuição da distinção de membro honorário, a título póstumo, pela Union Internationale Des Avocats (UIA), a Nelson Rolihlahla Mandela.

De acordo com a notícia, "a Union Internationale Des Avocats, fundada em 1927, é uma das mais antigas organizações não-governamentais de intercâmbio internacional de Ordens e Associações de Advogados. Atualmente, representa cerca de 2 milhões de advogados e é presidida pelo advogado Pedro Pais de Almeida". E, nas palavras de Francisca Van Dunem, ao ser atribuída a distinção de membro honorário da UIA a Nelson Mandela, “homenageamos o advogado na sua dimensão integral de lutador pela causa da liberdade, da não discriminação e da paz”.

Assim, John Volmink, "que teve um papel central na promoção das negociações que puseram fim ao apartheid", e Willie Esterhuyse, "que tomou a liderança do processo de  transformação da educação na nova África do Sul", estiveram presentes "enquanto fiéis e simbólicos depositários da medalha e do certificado da UIA para entrega à Fundação Mandela, na África do Sul". 

Nesta cerimónia, a qual decorreu no Salão Nobre do Ministério da Justiça, esteve presente José Carlos Resende, Bastonário da Ordem dos Solicitadores e dos Agentes de Execução.

 

Fotografia: Ministério da Justiça (justica.gov.pt)

 

Publicado a 19/07/2018

Eventos